Nossa história

Na medida em que vamos vivendo, vamos tecendo a nossa história, que não é individual, pois o fio que trazemos vai se misturando com o fio da história de outras pessoas, formando, assim um grande tecido. Em um determinado momento, nossas vidas estiveram unidas e fizemos história juntos. Esse tempo de convergência está na minha biografia e na sua também. Embora cada biografia seja um livro diferente, este tempo de convergência forma nos dois livros capítulos iguais. De modo que seu nome está na minha biografia e o meu nome está na sua biografia. Fazer memória do passado nos faz compreender melhor o presente e planejar com sabedoria o futuro. É bom ter coisas boas para sentir saudades! As coisas belas que vivemos se transformam em lindas recordações que alimentam a nossa esperança de que possível viver um mundo melhor.
Com carinho, Frei Junior.

Postagens mais visitadas deste blog

Adriano Lima dos Santos

Corpus Christi e Renovação do MESCE