Nosso jardim

No Sertão também tem flores e vida...




O irmão da Natureza

A simplicidade franciscana

Romeu e Julieta,
de dia abrem-se as rosas vermelhas
e de noite as rosas brancas.


Depois que esta planta caiu, seus ramos mudaram de posição, voltando-se para o sol e dele nasceram lindas flores.
Como as plantas voltam-se para o sol, nossa alma volta-se para Cristo.




Quando eu cheguei ainda não tinham nascido estas flores.

Que charme





A única roseira,
ela exige de mim mais atenção,
porque é muito sensível.








As largatas comeram parte desta linda planta,
mas elas se transformarão em belas borboletas de asas vermelhas.
Vive e deixa viver.



Há três meses eram duas folhinhas, hoje são quatro


Ele vai crescer e vai dar lindas flores compridas cor de rosa.




Peixinhos,
um combate natural contra a dengue.
Eles cuidam de nós e nós cuidamos deles.

Com essa água eu rego o jardim.

Esperando as formiguinhas saírem da casa.
Um inseticida natural. 




Postagens mais visitadas deste blog

Adriano Lima dos Santos

Corpus Christi e Renovação do MESCE